Blog, costura

Jaquetinha vinho de linho – o processo

A parada foi mais ou menos a seguinte: estava andando por Amsterdam e vi uma jaquetinha fuefa numa loja. Entrei, provei, salivei e saí.
Saí mas fiquei com a bichinha na cabeça… Percebi que o modelo era simples (quase lembrando uma camisa) mas mais curtinha e feita no linho. Como eu tenho um corte de linho aqui AND não costumo comprar roupas, corri pro papel pra traçar uma modelagem e ver no que ia dar, até porque não tenho nenhuma peça de roupa assim, pra usar em noites quentes/levemente frias, sabe?

E o legal de algumas peças é que as faço no calor da emoção: fico tão empolgada que largo tudo o que estou fazendo, limpo a mesa, estico o papel e começo.

A modelagem iniciou pela base da blusa justa, que é a que já mostrei varias vezes no Youtube e que fiz há muitos anos. Tem tanta gente me pedindo base de blusa que preciso reestudá-la pra fazer e ensinar, porque quando uma base está bem feita, vc não precisa ficar refazendo. E é isso o que aconteceu com a minha: tá tão certinha que nem me preocupo mais, toco qualquer modelagem com ela sem medo.

A manga que tracei é a mesmíssima que ensinei AQUI. Adoro este traçado, apesar de ter algumas contas, ele é construído de forma limpa e as mangas ficam muito boas. Nunca uma manga minha deu errado.
{beijo, Esmod (essa manga é de lá, da escola francesa) ♥️}

Aqui, a modelagem completa: parte de fora, forro, bolso, manga e golas:

Em seguida cortei a tela.
Cês tão carecas de saber que nunca pulo essa parte, afinal é ela que me dá noção se a modelagem está indo bem e se a roupa me serve. É provando a tela que corrijo quaisquer diferenças no traçado e corto meu tecido com segurança.
E ó, nem faço telas completas:

Veja na foto abaixo: eu só fiz uma das mangas porque a idéia é ver se a mesma está alinhada com o corpo da blusa e se o comprimento está ok. Neste caso, não tem porque fazer as duas, uma já vai me dar a resposta.
Mas neste molde a gola me incomodou… 😯

A gola:

Quem iniciou nas modelagens sabe que não há um jeito único pra fazer qualquer coisa que seja. É como fazer um bolo de chocolate, há mil receitas. O mesmo se repete para traçados e técnicas de modelagem plana.

Daí que tracei uma gola simples. A bichinha ficou bonitinha e encaixou direitinho na jaqueta, mas estava me incomodando porque parecia MUITO uma gola pra camisa, sabe? Justinha, certinha demais.
Por um instante achei que eu havia feito algo errado, então cortei uma segunda gola no algodão cru, costurei e provei. Mesmo resultado. A golinha estava fofa, mas eu não queria uma gola fofa, queria uma gola correta pro projeto: uma jaqueta.

Larguei lá. Então continuei fazendo a jaqueta, costurando o forro, os bolsos e no final, voltei pro traçado. Decidi testar uma gola com pé e aí a coisa começou a andar: encaixou bem e ficou bacana pro porte da peça.
Na foto abaixo você consegue ver o traçado e a gola no algodão cru. Eu ainda fiz um segundo ajuste, reduzindo a frente porque achei que ficou pontuda demais (tem as marcações de lápis na gola) e reduzindo o bico, a idéia é que desse uma proporção mais adequada pra gola toda. Deu certo, mas se vc olhar o molde, vai ficar com a impressão que ele está torta, mas na peça encaixou bonitinho (veja aqui).

Depois vou ensinar essa gola no canal, prometo =)

Detalhes:

Por dentro coloquei dois bolsos internos pra guardar documentos e celular. Assim posso andar sem bolsa por aí. O bolso que fiz foi este, ó.

Por fora fiz dois bolsos grandes que me deixaram meio indecisa entre: gostei ou não?
A questão é que achei a tampa do bolso grande demais quando vi a jaqueta pronta, mas decidi não desmanchar e refazer a tampa por um motivo: tenho gostado muito de modelagens mais esquisitas, formas um pouco mais largas e peças menos coladas ao corpo. Manter essa “tampona” aí é só o primeiro passo pras roupas que ando achando legais, ou seja, um pouco longe do que tenho vestido nos últimos anos. (vou colocar qq txt aqui pra matar essa viúva,rs)

Na lateral, uma cordinha com ilhoses .
Mas inventei de fazer as cordinhas e não gostei nada nada.
Ontem fui à feira e comprei um cadarço e troquei. A cor não é 100% mas ainda assim ficou mais legal do que na foto abaixo.

Materiais utilizados:

Linho que comprei há mais de 2 anos nessa feira aqui, na Nova Zelândia (abri o vídeo pra ver quanto paguei e OMG detesto os vídeos antigos hahaahaha. Aquele cabelão, socorro!).

Pro forro usei acetato para forro de ternos, comprado no Brás ano passado. Achei esse corte num cestão e peguei sem pensar muito, afinal, é uma cor que costuro bastante, caberia SIM em algum projeto =)

Na gola usei entretela de malha colante preta e os botões são de pressão de costura manual, que compro em armarinhos de costura (já vi pelo Brás-SP). Só que acho que vou retirar os botões porque fiz a modelagem pensando em casa de botão + botões comuns, daí olho pra ela e acho que está faltando algo, sabe?

Sobre o tempo, eu não fiz uma conta exata, mas acho que entre começar o traçado e terminar a peça, levei uns 5 dias para fazer tudo. 5 dias trabalhando pelo menos 8 horas (eu fiz em mais dias espaçados, mas fiz essa conta pra dar uma idéia). Se eu fizesse uma segunda faria mais rápido, claro, mas entre traçar, testar, costurar, descosturar e etc, o tempo correu.

E pra fechar, mais algumas dessas fotos lindas que não sei lidar.

As fotos bonitas foram feitas pelo @reifus e as normais são minhas mesmo, risos.

Eu adorei o resultado final. Tenho certeza que essa jaquetinha vai bater muita perna por aí e que ela ficou bem feita também. Mas o que mais gosto mesmo é a satisfação quando termino uma modelagem e a peça fica bem do jeito que eu desenhei em 2D. Ver que o molde encaixou, que a percepção do modelo e as medidas aplicadas bateram não tem preço.

Também fiquei bem satisfeita com o forro. Os bolsos internos ficaram mais ou menos bons (confesso!) mas olhando como um todo, acho que o forro teria passado pelo crivo do alfaiate que trabalhei.
Agora me diga, o que vc achou? Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário, vai! Muito triste um blog sem comentários 😅

Boas costuras e boas modelagens,
Pat

 

43 comentários em “Jaquetinha vinho de linho – o processo”

  1. Adorei!
    Gosto desses teus posts “bem detalhadinhos”…
    Tô começando na costura e esses posts detalhados ajudam muuuito!!!
    Na real gosto muito do teu blog!!!
    Faço parte da meia dúzia de pessoas que ainda lê e comenta em blogs em pleno 2018. Kkkk!
    Um Beijo!!!

    Curtir

  2. Mais uma pagina pro livro “costurando e viajando” com Patrícia, adorei o texto e as fotos muito boas.Parabéns prla otima modelagem dessa jaqueta maravilhosa😘

    Curtir

  3. Amei o texto, a explicação e a jaquetinha com certeza!!! Ansiosa pela explicação da gola e base da blusa.
    Beijos 😚 e obrigada por compartilhar suas experiências conosco.

    Curtir

  4. Pat, sua linda! Eu não sei do que gosto mais, se da peça propriamente dita ou do jeito que você conta a historinha toda hahaha … acho que gosto mesmo é de tudo. Ficou lindinha demais! Arrasou!

    Curtir

  5. Eu amo ler seus textos sobre trabalho de costura, me dá uma vontade de ir agora mesmo costurar tbm, rsrs. Eu já te falei q evolui muito com suas aulas no YouTube, Deus te abençoe.

    Curtir

  6. Fico feliz em ver suas postagens tão bem feitas e escritas de uma forma bem particular( jeito Patrícia de se expressar). Continuarei te acompanhando e buscando inspiração para insistir no aprendizado pela costura e modelagem.

    Curtir

  7. Maravilhosa! Vc, a jaquetinha e a modelagem! Qdo crescer quero ser assim. Kkkkk. Me senti vendo vc fazer cada passo ao ler tudo. Obrigada pelo capricho e por nos dar cada detalhes em foto. Amo seu trabalho.

    Curtir

  8. Amei a jaqueta, mas amei mais ver você voltando a escrever por aqui. Foi por conhecer seu blog, ler suas histórias e depois ver seus videos que comecei o meu blog. Assim como eu devem existir tantas outras que se inspiraram em você. Obrigada por começar e obrigada por voltar a falar tão abertamente sobre o nosso mundo da costura. ❤

    Curtir

  9. Linda, Patrícia!
    Me enche de coragem pra fazer algo parecido com um fustão que tenho aqui!!! 🙂
    Adorei que o blog voltou!
    Bjo e bons passeios com sua jaquetinha nova 🙂

    Curtir

  10. Fazendo coro com a mulherada aí acima, eu adorei o post, e adorei a jaqueta! Mesmo não costurando tanto, eu gosto muito de ler e aprender sobre. Sem contar que seu texto é delicioso!

    Curtir

  11. Eu amei!!! to namorando fazer uma bomber forrada do zero e eu tava pensando em fazer de linho mesmo. o resultado da sua jaqueta me inspirou a continuar com essa ideia kkk

    Curtir

  12. Oi Patricia estou amando seus vídeos …fico horas !!
    Sou iniciante e fico viajando nas suas histórias 😊
    Sobre essa jaqueta ficou muito Mara 😀
    Tem o molde dela pra mostrar ?
    Quero fazer uma pra mim .
    Um bj

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.