Blog, costura, tutoriais

Costurando presentes de Natal

Hoje eu estava aqui olhando o calendário e vendo que falta pouquíssimo para o Natal e as confraternizações de final de ano, e então fiquei lembrando nos anos anteriores que fiz presentes para as pessoas que convivo.

Teve um Natal que peguei todos os meus retalhos pequenos e fiz casinhas decorativas. É um negócio meio bobo mas bem bonitinho e até hoje vou na casa de algumas pessoas e as vejo penduradas nas paredes por aí. Não tenho fotos delas, mas eram mais ou menos assim:
Foto: Pinterest

As casinhas são super fáceis de costurar e indico para qualquer iniciante. Quem não quiser colocar esse tipo de enchimento, vale uma camadinha de manta fina ou feltro pra dar um “fofinho” e elas ficarão igualmente bonitinhas. ☺️

Em 2014 queria que os presentes tivessem alguma utilidade real (não apenas decorativa) e mais uma vez peguei meus retalhos e cortei algumas necessaires (cerca de 15). Com os retalhos pequenininhos fiz algumas máscaras de dormir e com os tecidos maiores fiz capas de almofadas e uma toalha de mesa. Neste ano, presenteei quase todo mundo da minha família.

Este projeto foi grande e eu comecei mais ou menos no mês de Setembro pra dar conta do recado, partindo sempre do ponto de utilizar os retalhos parados e gastar o mínimo de dinheiro, então só comprei uns poucos zíperes para completar a produção. Deu um trabalhão mas foi legal demais:

Na primeira foto as necessaires cortadas e na segunda, todas prontas e com uma cartinha dentro da embalagem. =)

Bom, chegamos em 2018, um ano apertado para a maioria de nós. Ainda assim somos um grupão que gostamos de presentear e também de fazer as coisas à mão. Então separei alguns vídeos meus com aulas completas de costura, veja:

Necessaires: playlist com modelagem e costura AQUI

Fronha ou almofada com costura francesa AQUI

Árvore de Natal de tecido – bem bonitinha AQUI

Almofadas – ziper e vivo no acabamento AQUI

Bolsas? AQUI tem conteúdo também

Quer arriscar uma blusa? AQUI vários vídeos com modelagem de blusa e manga, incluindo acabamentos de costura

Ufa, quanta coisa, né?

E para quem vai encarar um projeto assim, minha dica para não ficar muito cansada é: Otimize a produção.

Então em um dia separe os tecidos e veja se são suficientes para os moldes
No outro dia, corte todas as peças e separe os aviamentos necessários
No outro, faça um mesmo processo, por exemplo: se for fazer 10 necessaires, em um dia coloque os 10 zíperes.

Assim vc vai vendo as peças “nascendo” com muito mais rapidez. É melhor ir nesse esquema de repetição de funções do que ter fazer uma por vez.
Quando a gente faz uma a uma, ficamos muito mais cansada no meio do processo porque olhamos em volta e vemos um monte de tecido cortado sem nem ter começado a costurar.. nem mesmo as coisas mais simples.
E otimizando, vc vai completando as seqüencias de costura com muito mais agilidade. Vai por mim! 🙃


Neste ano tô aqui, pensando em coisas que posso fazer para presentear e quem vou presentear. A verdade é que não tenho muuuuuito tempo para fazer a quantidade de presentes que gostaria -menos que em 2014- porém quero fazer algo ainda útil e um pouco mais elaborado que as necessaires (até porque, quem eu vou presentear já ganhou necessaire hehehe).

Caso eu produza algo, volto aqui pra mostrar. Tenho tanto tecido que pode ser utilizado e gostaria de transformar o carinho que sinto em coisas úteis.

E vocês, quais seus planos? Conta aqui pra mim?
Também gosta de fazer os presentes ou prefere comprá-los prontos?
Se compra, vai em lojas comuns ou prefere coisas feitas à mão?
(deixe um comentário aí, muito triste um blog sem comentário hehehe)

Boas costuras,
Pat

Blog, costura

A blusa que deu certo mas faltou peito, risos

Comprei este tecido no Brás-SP há uns meses porque amei o toque e a cor dele. É uma mousseline muito macia e não transparente, então me conquistou na hora e arrematei um metro.

Daí, meses depois resolvi fazer um top transpassado com uma faixa na cintura que desse um laço + manga godê. ✂️
Fiz aquele processo que cês já conhecem: modelagem plana partindo da minha base, tela para prova, ajustes do molde e enfim, corte e costura.

Tudo muito lindo no processo, inclusive a tela me coube direitinho:
Muitas fotos:

{a modelagem, tela para prova, peças sendo cortada, mesa de costura, viés na gola
e parte da barra lenço que fiz na manga godê. Um amor!}

O erro

Pois bem, a tela no algodão cru coube direitinho mas a peça final não. Que triste!

Proporcionalmente tudo serviu (costas, ombros, desenho do decote etc) mas se eu tivesse uns dois números a mais de busto teria ficado bom. No caso, ficou largo e eu tenho que desmanchar a peça inteira pra ajustar a frente dela. Mas cadê coragem?

Não é a primeira vez que isso me acontece e, embora já tenha perdido algumas peças que costurei por ñ terem servido, dessa vez fiquei MUITO desanimada a desmanchar e consertar porque o tecido é bem delicado e estava dando sinais de desgaste 😦 Digo isso porque tive que retirar uma das mangas e esta começou a esfarelar, mesmo usando agulha 9.

Já tive roupas que não me couberam e fiz o ajuste ou passei pra frente, mas esta está no meu armário pra ver se eu tomo coragem para fazer o ajuste ou se descolo uma amiga peituda desfilar com ela por aí.

{ alinhavando alguma parte da blusa e a peça quase pronta no manequim }

Eu acho a blusa ficou larga com o tecido final porque ele é muito mais fino e leve do que o algodão cru que eu tinha aqui em casa. Talvez se seu tivesse testado num poliéster xexelento teria uma visualização mais adequada da peça no corpo. Agora já era: não tenho mais o tecido pra re-cortar outra parte da frente e nem vou colocar 400 mls de silicone, risos.

E você, alguma costura que deu errado na peça final e ficou com preguiça de consertar?
Conta pra mim!

Beijo,
Pat

 

obs. Gentes costureiras, estou indo ao Brasil para mais uma série de aulas.
Quem quer participar?
Logo mais compartilho a agenda aqui e no Youtube, estou terminando o conteúdo e já já mostro pra vocês. Coisas legais a caminho ♥️

Pat